Regulamento 2017

 

  • akars

    CAMPEONATO AKARS – Amigos & Kart Amador do RS – 2017

        1. Da organização:

    O CAMPEONATO promovido pela AKARS para o ano de 2017 será organizado em parceria com o VELOPARK Kartódromo e será realizado nas pistas de kart do kartódromo em Nova Santa Rita – RS, com os karts da categoria indoor e destinados à locação.

        1. Dos Participantes:

    Poderão participar do campeonato todos os que estiverem regularmente inscritos e atenderem as regras estabelecidas pelo kartódromo do VELOPARK para utilização dos karts de locação. A garantia da vaga para participação está condicionada ao pagamento da taxa de inscrição realizado previamente ou até a data limite, informados no decorrer deste regulamento.

        1. Número de Inscritos:

    Para regular o funcionamento do campeonato 2017, fica estabelecido o limite máximo para uma única bateria o número de inscrições a 25(vinte e cinco) pilotos. Havendo demanda maior que o limite estabelecido, as novas inscrições serão limitadas a 45 e estarão condicionadas ao fechamento de um segundo grupo de pilotos.

    Abertas as inscrições, todos os pilotos estarão numa única bateria, denominada Mista.

    Atingido o número máximo de inscritos, os pilotos serão divididos em categorias por peso.

    São necessários 22 pilotos regularmente inscritos para a confirmação do campeonato com uma bateria. Os inscritos serão divididos em categorias, denominados Leves e Pesados.

    Está admitida a possibilidade de uma segunda bateria a partir da 23ª até a 45ª inscrição. Para formação de uma segunda bateria será necessário um número mínimo de 38 inscritos. Ao cabo das inscrições, se atingido o limite mínimos, todos os inscrito serão distribuídos, conforme o peso de cada um, em uma das categorias.

    A ordem de inscrição não define a categoria.

    Os limites de pilotos por categoria serão os seguintes:

    Máximo 25 (vinte cinco) pilotos e no mínimo 17 (dezessete) pilotos.

    Para a apuração das categorias, será aplicada a média do peso de todos os inscritos. Aqueles que se encontrarem abaixo da média formarão a categoria Leves, os demais estarão na categoria Pesados.

    A primeira pesagem será no briefing da primeira prova 2017. Visando a agilidade para a formação das categorias a coordenação poderá considerar o peso do piloto apurada na VP2500 de 2016.

    Na temporada poderão ocorrer pesagens pontuais, a critério da organização, com comunicação de antecedência de quinze dias, com objetivo de rever o lastro estipulado ao piloto. Neste caso, não haverá mudança de categoria, apenas aumento, manutenção ou redução de lastro.

    Para equalização dos pilotos em cada categoria, mesmo na bateria Mista, será adicionado lastro, fornecidos pelo Velopark, se assim necessário, até o limite de 20 kg de peso. Essas cargas extras de barras de chumbo são de 5 kg cada. O uso do lastro é de responsabilidade do piloto.

        1. Das Inscrições e pagamento:

    O interessado em participar da temporada 2017 da AKARS atesta conhecer e aceita este regulamento.

    Para regular inscrição, deverá fazê-la no site www.akars.com.br informando:

    Nome completo, Data de Nascimento, CPF, n° telefone celular, e-mail e peso aproximado com equipamentos.

    O valor da inscrição por piloto é de R$ 200,00 (duzentos reais). O valor recebido será utilizado para as despesas da AKARS.

    O valor da inscrição corresponde exclusivamente o direito da participação do campeonato organizado pela AKARS. Os valores das provas regulares serão pagos pelo inscrito diretamente no VELOPARK, conforme os preços praticados na data da realização de cada uma das provas.

    Nas provas extraordinárias, os valores serão cobrados pela Organização da AKARS e serão previamente informadas cifras e datas limites por e-mail e whatsapp.

    As despesas da AKARS serão distribuídas como segue:

    – Na prova agendada e havendo número inferior a dez pilotos na bateria do inscrito (Leves ou Pesados), parte do valor recebido pela taxa de inscrição será retirada da reserva para o rateio da prova em nome dos ausentes;

    – Na premiação no final do campeonato;

    Inscrições:

    As inscrições abrirão em 16 de janeiro de 2017 e a data limite será no dia 28 de fevereiro de 2017, ou antes dessa data se atingido o máximo de 45 (quarenta e cinco) inscrições.

    Serão divulgados no site da AKARS os pilotos inscritos, sua situação de pré-inscrito e se confirmado.

    A taxa de inscrição é compulsória e será resgatada na prova extraordinária de dezembro de 2017, conforme critérios específicos deste regulamento.

    O pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuado por depósito bancário no valor total, ou em dinheiro para o Administrador da AKARS até a data da segunda prova do calendário 2017. Ou, se parcelado, devendo a primeira parcela obedecer ao limite da segunda prova e a segunda parcela até 30 de março de 2017. Segue os dados para pagamento:

    Depósito bancário:

    Nome: José Renato de Oliveira     CPF: 395 215 400 – 87

    Banco BANRISUL 041                           Agência: 0290

    Conta Corrente: 35 1824940-6

     Das Fontes de Receitas da AKARS

        • Em espécie pelo ingresso financeiro das taxas de inscrições. Esses recursos poderão regressar integralmente ao inscrito, desde que participe em todas as provas do calendário 2017.
        • Em multas no valor de R$ 20,00, impostas pela ausência nas provas. As multas serão por evento e deduzidas na devolução da taxa de inscrição. Não haverá cobrança, apenas a notificação. Em caso de dedução o participante efetuará um desembolso maior para a taxa de inscrição da etapa vp2500.
        • Em créditos recebidos do Velopark. Benefícios financeiros concedidos ao organizador pela demanda nas inscrições em cada bateria, inclusive nas junções. Somente será contabilizada se houver o número mínimo de participantes previamente estabelecidos pelo Velopark.
        • Por Eventos. Descontos recebidos pela formação de equipes em provas especiais – Endurance – e se houverem outras.

    Os créditos recebidos e as multas serão revertidos para pagamento de despesas com troféus.

    Os valores das inscrições recebidas serão utilizados para cobrir eventuais penalidades do VELOPARK. As sobras, depois de excluídas as multas e as despesas de rateio nas provas de pequena frequência, serão devolvidas como créditos ao VELOPARK em nome de cada piloto inscrito na temporada 2017, que servirá para cobrir parte da inscrição na vp2500.

        1. Das provas:

    O Campeonato AKARS 2017 acontecerá nas datas estipuladas abaixo, no anexo I deste regulamento, com qualquer condição climática, salvo motivos de força maior. As provas serão denominadas como Regulares e Extraordinárias.

    Os traçados das provas estão divulgados no site da AKARS.(aqui)

    Regulares – Acontecerão sempre nas quintas-feiras e nos traçados da VP1000 e VP1500, podendo, conforme o calendário, serem invertidos e ou modificados sempre no traçado regular a partir das novas condições impostas pelo Velopark no mês de agosto. O tempo de cada prova nesta condição terá duração de 25 minutos, sendo 5 para tomada de tempo e 20 de prova. A pontuação destas provas será simples.

    Extraordinárias — Acontecerão sempre aos sábados e com a junção dos traçados da VP1000 e VP1500, conforme o calendário. Serão duas provas, denominadas VP2000 e VP2500. A primeira terá pontuação acrescida em 50 por cento das provas regulares e a segunda será pontuada em dobro das regulares. A duração de ambas será de 60 minutos, sendo 10 minutos para tomada de tempo e 50 minutos de prova.

    Se o campeonato deu início com número inferior a 40 pilotos, serão admitidos convidados para integralizar o mínimo exigido pelo Velopark.

    Se o campeonato iniciou com duas categorias, estas largarão em pistas distintas em fila indiana por categoria. Havendo vagas para convidados, será oportunizada a participação e estes serão alocados conforme o peso em cada categoria, respeitando sempre o limite do VELOPARK para o número de inscritos.

        1. Da pontuação e descartes:

    Conforme a chegada do piloto, já descontada a penalização, se houver, será concedida a seguinte pontuação:

    1º 26; 2º 24; 3º 22; 4º 21; 5º 20; 6º 19; 7º 18; 8º 17; 9º 16; 10º 15; 11º 14; 12º 13; 13º 12; 14º 11; 15º 10; 16º 9; 17º 8; 18º 7; 19º 6; 20º 5; 21º 4; 22º 3; 23º 2 e 24º 1ponto

    Nas provas Extraordinárias a pontuação será especial, sendo que na junção com configuração VP2000 a tabela acima será multiplicada por 1,5 (um vírgula cinco) e na configuração VP2500 a tabela será multiplicada por 2 (dois).

    Ausências nas provas, além de impostas as multas, não serão consideradas válidas para auferir o benefício do descarte de pior resultado. Somente será admitido o descarte de prova realizada.

    As provas extraordinárias não participarão do critério para descartes.

        1. Das Categorias:

    As categorias serão divididas em LEVES e PESADAS, sempre sem equipamentos.

    O Lastro mínimo é de 5 kg e o máximo de 20 kg. Ninguém levará mais do que o máximo, mas poderá levar o mínimo.

    LEVES: Peso base 85 kg.  (Modificado em 01/03/17)

    PESADOS: Peso base 105 kg. (Modificado em 01/03/17)

    Para compor a categoria, haverá a apuração da média dos pesos de todos os pilotos inscritos. Será respeitado o limite máximo e mínimo por categoria, acima mencionado.

    Encontrada a média e para aqueles que estiverem abaixo do valor encontrado, considerando as casas decimais, estarão na categoria Leves e poderão levar lastro até atingirem ou ultrapassarem o peso base de 85 Kg. Aqueles que, pela divisão das categorias, forem incluídos na Categoria Leves e estiverem na data da apuração dos pesos individuais com peso maior que 85 kg, estarão dispensados de adicionarem lastro no kart. Os demais pilotos desta categoria, que estiverem com peso menor que o peso base levarão lastro até atingirem ou ultrapassarem o peso definido com o limite máximo e individual de 20kg.

    Os demais pilotos estarão na categoria Pesados, e terão como peso mínimo o de 105kg. Nesta categoria todos os participantes levarão lastros até atingirem o peso base. Os pilotos com peso igual ou maior estão dispensados.

        1. FORMAÇÃO DE EQUIPE:   – Desconsiderar. Foi suprimida da temporada 2017

    Além da sua pontuação individual, com premiação separada, cada piloto da sua categoria terá um parceiro na categoria oposta.

    A formação das equipes se dará ao final da primeira prova e obedecerá ao seguinte critério:

    Equipe 1: Vencedor da categoria Leves terá como parceiro o último colocado da categoria Pesados.

    Equipe 2: Vencedor da categoria Pesados terá como parceiro o último da categoria Leves, sucessivamente até se formarem todas as equipes.

    Havendo na primeira prova formação ímpar ou se constatada ausência de inscritos, estes formarão novas equipes.

    Após formadas todas as equipes e havendo algum corredor sem equipe este contará seus pontos em dobro a fim de concorrer a premiação.

        1. Dos Lastros:

    (a)    Para que os pilotos atinjam o peso mínimo estabelecido para a categoria será disponibilizado pelo kartódromo chumbos em barras de 5 kg, sendo no máximo 20 kg, que obrigatoriamente deverá ser alocado sob o eixo traseiro.

    (b)    Não será obrigatório permitido o uso de lastro próprio. Caso o piloto opte por usar lastros próprios, estes deverão ser fixados no corpo. Não será permitido prender ou fixar qualquer tipo de lastro próprio nas estruturas do kart, apenas no corpo do piloto, se assim ele desejar. Não serão aceitas fixações ou situações que possam colocar em risco a integridade física dos pilotos. Procedimento que vem ao encontro das regras de segurança do Velopark.

    (c)    Todos os pilotos serão pesados aleatoriamente, a pedido, durante o campeonato e obrigatoriamente nas provas extraordinárias.

    (d)    A responsabilidade pelo lastro no kart será inteiramente da equipe. Estabelecida a obrigação A PARTIR DA SEGUNDA PROVA, tanto na colocação quanto na retirada dos mesmos. Desconsiderar. Suprimida da temporada 2017

    (e)    Apenas na primeira prova da temporada 2017 os lastros serão colocados pelos indicados pela administração do VELOPARK. A retirada dos lastros é de responsabilidade do Piloto. Regra de conduta que atende as condições de uso da frota especial de grupos, aplicada a partir de agosto.

    (f)     O não cumprimento do item 10.d prevê uma penalização de 30 segundos ao piloto beneficiado pela infração, acrescido ao tempo total da prova. Desconsiderar. Suprimida da temporada 2017.

        1. Dos equipamentos de segurança obrigatórios:

    Será exigida a utilização dos seguintes itens de segurança e proteção:

    Macacão, Balaclava, Capacete, Luvas, Calçado fechado (Sapatilha/tênis), Protetor de costela e Colar cervical.

    Qualquer outro tipo de equipamento que o piloto julgue necessário, como joelheira, espuma de proteção ou capas de banco, poderá ser utilizado com a anuência do VELOPARK.

    Excetuando o calçado, todo o equipamento obrigatório pode ser emprestado pelo kartódromo caso o participante não tenha equipamento próprio.

        1. Do sorteio e posição nos boxes:

    Após ou durante o briefing, em cada etapa, será feito o sorteio das posições de cada piloto por bateria para tomar assento no kart. Nos sorteios constarão os números da posição dos karts estacionados nos boxes, sendo o de número “1” o primeiro kart da linha paralela mais próxima da pista, “2” o segundo e assim sucessivamente.

    Será entregue para cada um identificador de posição do kart, que deverá ficar exposto ou apresentado ao fiscal da prova no momento das identificações de cada um em cada kart.

        1. Da largada:

    A largada será de acordo com regras da administração do VELOPARK, preferencialmente lado a lado, desde que não ocorram incidentes ou acidentes durante as etapas anteriores.

        1. Das considerações gerais:

    Os itens abaixo expressam considerações gerais que compõe este regulamento nas suas variadas situações.

    Qualquer entrada no box deverá ser anunciada com o braço levantado na entrada da reta principal, sinalizando a sua intenção.

    Todo o kart deverá entrar no box por meios próprios.

    Não será permitido durante a prova o ingresso de pessoas não autorizadas à pista.

    Será permitido o uso de qualquer equipamento gravador de imagens no capacete do piloto, exceto o fornecido pelo Velopark, mas não serão permitidos os fixados no kart.

    Em caso de quebra de kart na pista o piloto deverá abandonar a prova e NÃO transitar pela pista ou buscar nos boxes aguardar que seja reposto por funcionário do kartódromo no ponto de parada na pista por um novo kart e promover o ajuste dos lastros conforme estava o sinistrado. A conferência do lastro será feita pelos fiscais no final de cada etapa. (modificado para validade a partir de agosto)

    Fica condicionado o uso da nova frota de karts apenas com condições de pista seca. Em caso de previsão de chuva iminente ou pista molhada, será utilizada a frota disponibilizada pelo Velopark. (inserido nas regras conforme determinação do Velopark)

    Em caso de paralisação por bandeira vermelha o tempo não será reposto. Salvo se não for esse e entendimento da administração do VELOPARK. Se paralisada a prova por motivo de chuva, a etapa será considerada para pontuação integral. O tempo restante será oferecido e aumentado numa etapa seguinte. Essa condição é válida para a categoria afetada. (Regra de condições de uso da frota, válida a partir de agosto)

    Qualquer relargada será feita com o posicionamento de uma volta anterior à volta da bandeira vermelha, de acordo com os registros da cronometragem. Neste caso, será parada e em fila indiana.

    Em caso de bandeira vermelha o box estará automaticamente fechado para entrada e saída de karts.

    Qualquer manutenção nos karts somente poderá ser feita pelos mecânicos do VELOPARK na área de box.

        1. Dos equipamentos:

    Os karts utilizados nas provas são de propriedade do kartódromo, e apenas a ele cabe a manutenção dos mesmos.

    Poderão ocorrer casos de quebra e/ou disparidade de tempos no desempenho dos karts e quanto a isso não serão aceitas reclamações.

    Os karts que sofrerem avarias ou necessidades de manutenção serão substituídos ou reparados e o retorno deles a pista é uma decisão do VELOPARK.

        1. Das penalizações:

    As penalizações de pista serão de responsabilidade do diretor de prova.

    Além de todas as penalizações já previstas neste regulamento, algumas outras situações devem ser levadas em consideração.

    Advertência não significa penalização, apenas advertência. A reincidência da advertência passa a ser penalização, mesmo que ocorra em outra prova.

    Não serão admitidas atitudes antidesportivas de nenhuma natureza. De acordo com a gravidade da situação e a critério do Diretor de Prova, o piloto será advertido e ou penalizado. Advertido, poderá receber penalizações de 5 (cinco), 10 (dez) e ou 15 (quinze) segundos, podendo inclusive receber a desclassificação direto da prova. Cabe a Direção do Velopark impor penalizações, ao Piloto, de suspensão de uso dos karts e até mesmo exclusão das dependências. ( Medidas de prevenção válida para todos os Grupos, independente de quando houve o fato gerador. Em nada a AKARS interferirá)

    Havendo reincidência na advertência para as provas regulares seguintes, as penalidades serão assim impostas; na primeira será acrescido ao tempo total de prova cinco segundos; na segunda será acrescido dez segundos e nas demais 15 segundos. Nas provas extraordinárias a advertência será acrescida de 30 segundos, já considerado o histórico do piloto, conforme a reincidência. Aos convidados não haverá punição pela reincidência, apenas será acrescido a pena ao tempo de volta.

    Agressões verbais, gestos ofensivos e sinalizações ostensivas durante a prova, tanto em pista para outro piloto, quanto para os fiscais, comissários ou qualquer pessoa envolvida no evento, podem ser considerados advertência.

        1. Da premiação:

    O vencedor do campeonato, por categoria, será conhecido pelo maior número de pontos conquistados em todas as etapas na qual tenha participado, já descontado o pior resultado. Esse mesmo método será aplicado para conhecer as demais posições.

    Serão distribuídos troféus para os cinco primeiros colocados de cada categoria, com a seguinte configuração: CAMPEÃO, VICE-CAMPEÃO, 3º LUGAR, 4º LUGAR e 5º LUGAR.

    Para a equipe vencedora, conforme formação acima citado, será distribuído um troféu para cada piloto de Equipe Campeã. Desconsiderar. Suprimida da temporada 2017

    Aos demais integrantes do campeonato será distribuída uma medalha pela participação.

    A premiação acontecerá em data a ser conhecida pela Organização da AKARS, quando da realização do evento especial do VELOPARK.

        1. Dos casos omissos:

    Qualquer ocorrência que não esteja prevista neste regulamento será avaliada e julgada por uma comissão formada pela Organização da AKARS em conjunto com a equipe do VELOPARK, sendo esta decisão considerada final e indiscutível.

    O piloto ao se inscrever atesta estar ciente e concorda com as regras e procedimentos definidos nos termos deste regulamento.

     

     

    ANEXO I

    1 09/03/2017 VP1500 20:00 Nor
    2 30/03/2017 VP1000 20:20 Nor
    3 27/04/2017 VP1500 20:00 Inv
    4 13/05/2017 VP2000 10:00 Inv
    5 01/06/2017 VP1500 20:00 Nor
    6 22/06/2017 VP1500 20:00 Inv
    7 06/07/2017 VP1000 20:20 Inv
    8 27/07/2017 VP1500 20:00 Inv
    9 24/08/2017 VP1500 20:00 Nor
    10 14/09/2017 VP1500 20:00 Nor
    11 28/09/2017 VP1500 20:00 Nor
    12 26/10/2017** VP2500 20:00* Inv Nor
    13 09/11/2017 VP1500 20:00* Inv Nor
    14 23/11/2017 VP1500 20:00 Nor
    15 09/12/2017** VP1000 10:00 Nor

    (*) Mantida a pista com traçado Normal, atendendo regras de segurança do Velopark

    (**) Modificado o traçado.